Desperdício de Alimentos e a Embalagem Flexível-1
Alimentício

As vantagens da embalagem flexível na conservação dos alimentos

Reduzir o desperdício de alimentos é uma das características e um dos benefícios obtidos pelo consumidor ao escolher produtos envoltos em embalagens flexíveis. Sem dúvidas, educar e mudar o comportamento de consumo para evitar a produção de resíduos de alimentos são atitudes totalmente ligadas às embalagens.

Para isso, é preciso conscientizar a sociedade das vantagens da embalagem flexível e dos ganhos que elas trazem para a conservação dos alimentos, protegendo da forma correta e por mais tempo da logística ao armazenamento, seja na prateleira do supermercado ou no lar do consumidor.

 

O papel da embalagem flexível contra o desperdício de alimentos

 

Acreditamos que muitos consumidores não reconhecem que as embalagens trazem consigo características que poderão ser totalmente perdidas ao desembalar os produtos, diminuindo o shelf life, e é com esse objetivo que a Indumak se preocupa com o fornecimento dessas informações.

O alimento para os animais de estimação é um belo exemplo para isso. Além de preservar a ração industrializada, a embalagem para nutrição animal serve para auxiliar ou manter os processos de conservação que ela precisa para ser atrativa para o animal. Ao abrir o pacote, algumas características poderão ser perdidas como sabor, cor, aroma e textura. Manter o produto na embalagem, fechado e protegido, garantirá mais qualidade, mantendo as propriedades do produto por mais tempo.

Em paralelo, sabemos que existe uma preocupação com o consumo do plástico, que pode ser reciclado em 85%, gerando um impacto muito menor do que o desperdício de alimentos. Além de possibilitar o fácil ajuste do tamanho da embalagem, que poderá ser adquirida na proporção correta e evitando o excesso.

 

Desperdício de Alimentos e a Embalagem Flexível-2

 

Como a pandemia está aumentando a demanda por embalagens flexíveis

 

Em tempo de coronavírus, os modelos fracionados de embalagens flexíveis tiveram aumento da demanda. Mais do que nunca, o cuidado com a saúde e higiene dos consumidores está em primeiro lugar quando falamos em fatores que influenciam o momento de decisão de compra. Após a pandemia, talvez esse critério perca um pouco sua relevância, mas uma ou duas posições na escala somente. O consumidor mudou muito sua avaliação no momento da escolha do produto, priorizando a sua saúde como nunca antes visto.

Neste sentido, até mesmo a questão da reutilização de vasilhames e frascos, por exemplo, tem perdido força (ao menos temporariamente), devido a evitar-se o risco de contágio pela manipulação de produto. O consumidor, novamente priorizando a sua saúde, prefere comprar um produto embalado na indústria e descartar essa embalagem (de forma correta) evitando qualquer risco de contágio próprio ou de terceiros neste processo.

Continue acompanhando o blog da Indumak para saber sobre as últimas novidades no mercado de embalagens. Aqui, você encontra artigos atuais que mantem você informado das últimas tendências desse segmento. Você também pode seguir o nosso perfil no Instagram ou acompanhar nossas postagens pelo Facebook.

E, se você está em busca de soluções eficientes de empacotamento, fale com a número 1 do Brasil em equipamentos para o processo de embalamento. Contate nossa equipe para uma consultoria e veja como podemos auxiliar você a melhorar seus resultados produtivos.

Deixe um comentário